Quem Somos

SOBRE NÓS

Igreja Evangélica fundada em 2005, com sede em Boa Viagem – Recife, que têm como princípios e base a Fé Cristã bíblica. Liderada pelos Bispos Marcelo e Fabiana Albuquerque

NOSSA HISTÓRIA

Porque Novo Tempo?

Creio que é de fundamental importância para todos os que fazem parte deste ministério, tanto os que estão desde o começo, como aqueles que chegaram depois, o porquê do nome Novo Tempo. Para os que estão chegando agora, conhecer o porquê, e para aqueles que já estão conosco há mais tempo, relembrar-se do motivo. Estávamos há algum tempo, buscando ao Senhor para sabermos qual seria o nome que daríamos ao ministério que estava nascendo em Recife e em São Paulo. No final do mês de Julho de 2005, estava orando e me preparando para a videoconferência com a célula de Recife, e o Senhor me disse: “Esqueçam o que se foi; não vivam no passado. Vejam, eu estou fazendo uma coisa nova!”. Isaías 43:18-19. O Senhor foi muito claro comigo e ministrou ao meu coração dizendo “Há uma nova estação, um novo tempo preparado para o meu povo”. Não Vivam no Passado Não tive mais nenhuma dúvida em relação ao nome da nossa igreja, porém a palavra final seria do Apóstolo Colin Dye. Esperei a próxima reunião com o Ap. Colin e compartilhei com ele a respeito deste nome que o Senhor havia me falado e ele, na mesma hora, concordou e disse amém. Precisamos nos lembrar que na Bíblia os nomes não eram dados por modismo ou porque eram bonitos, mas eram carregados de significado e propósito. Não creio que Deus nos deu esse nome porque é bonito ou comercial, e sim porque Ele tem um propósito e características específicas para o nosso ministério. O Brasil não precisa de mais uma denominação! O Senhor também foi claro nas condições para vivermos esse novo tempo. “Esqueçam o que se foi. Não vivam no passado”. Este novo tempo está condicionado a não vivermos presos ao passado, é preciso renovar as nossas mentes, (Rm 12:2). Não Viver no Passado.

Precisamos ter um coração limpo como de uma criança, nos limpar de toda a malicia e dureza de coração, que são consequências de experiências negativas que tivemos. Discernimento espiritual Em Isaías 43:19 o Senhor diz: “Vejam, Percebam, Eu estou fazendo uma coisa nova”. Muitas vezes o que nos acaba acontecendo é que as experiências negativas do passado acabam trazendo sobre nós desconfiança e insensibilidade, que levam muitos a não perceberem que o novo estava chegando e não a repetição de coisas que já aconteceram. O Novo Tempo precisa ser conquistado Outra Palavra que o Senhor me deu, no mesmo dia, foi a de Isaías 54:2-3. “Alarga o espaço da sua tenda, estenda bem as cortinas da sua tenda, não o impeça; estique as suas cordas, firme suas estacas”. Precisamos entender que Deus manda o milagre, porém a nossa parte Ele não vai fazer. O esticar das cordas, o firmar das estacas o alargar da nossa tenda é nossa responsabilidade e não de Deus. Muitos estão esperando por algo novo, estamos cansados de religiosidade, manipulações e tantas outras coisas que vemos com tanta freqüência acontecer no meio do povo de Deus. Creio que Deus tem o novo preparado para nós, porém precisamos ter maturidade e entender que isso precisa ser conquistado e que não é a responsabilidade de alguns líderes apenas, e, sim, de cada membro do Corpo de Cristo. Não é preciso ser espiritual para fazer críticas e comparações. O espiritual é aquele que, além de detectar os problemas, consegue se enxergar como parte das soluções.Por isso, não se esqueça que, se Deus te colocou em uma igreja que se chama Novo Tempo, é porque, com certeza, você faz parte do Exército que Ele tem convocado para que esse novo tempo seja conquistado. Façamos das palavras do Apóstolo Paulo as nossas: “… mas uma coisa faço: Esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo…”. Filipenses 3:12-16 Deus abençoe, Bp. Marcelo e Fabiana Albuquerque.